FUTEBOL É AQUI

FUTEBOL É AQUI
OLÁ AMIGOS, EM 2017, ESTAREMOS EM UMA NOVA CASA , A RÁDIO 106,3 DE GOIANA PERNAMBUCO , SE DEUS PERMITIR, , LEVANDO AS EMOÇÕES DO FUTEBOL, E CLARO TAMBÉM NA NOSSA WEB RÁDIO STUDIO E, CONTO COM A AUDIÊNCIA DE TODOS!

FUTEBOL AO VIVO

106,3 FM

106,3 FM
FUTEBOL É AQUI

TERCEIRO PROGRAMA FUTEBOLNANET COM JOÃO ELIAS

2º PROGRAMA FUTEBOLNANET.COM , COM O PRESIDENTE DA ACDP IRANIILDO SILVA

PROGRAMA FUTEBOL NA NET .COM

2º BLOCO DO PROGRAMA

3º BLOCO PROGRAMA FUTEBOLNANET.COM

GOL DO NÁUTICO ZÉ MARIO NAUTICO 1 X 0 SPORT

GOL DE THIAGO COSTA BAHIA 1 X 1 SANTA CRUZ

GOL DE FAVIO CAÇA RATO CONTRA O BETIM

SANTA CRUZ 2 X 1 PELO JARDIM MILER

NÁUTICO 1 X 0 PETROLINA

NÁUTICO 2 X 0 PETROLINA ELTON

NAUTICO 3 X 0 PETROLINA ROGERIO

NAUTICO 4 X 0 PETROLINA ROGERIO

NAUTICO 5 X 0 PETROLINA ROGERIO

NAUTICO 6 X 0 PETROLINA

NAUTICO 7 X 0 PETROLINA RENATO

NAUTICO 8 X 0 PETROLINA GEOVANI

SANTA 1 X O FEIRENSE GOL DE PHILCO

SANTA CRUZ 2 X 0 FEIRENSE RENATINHO

SPORT 1 X 1 CONFIANÇA REINALDO

SPORT 2 X 1 CONFIANÇA MARCOS AURELIO

SPORT 3 X 1 CONFIANÇA FELIPE MENEZES

domingo, 5 de fevereiro de 2012

FUTEBOL 2012

aflitosEm clássico polêmico, Náutico e Santa Cruz ficam no empatePOSTADO POR Marcelo ÀS 19:52 EM 04 DE Fevereiro DE 2012

Santa Cruz e Náutico fizeram um clássico equilibrado e bem disputado nos Aflitos/Foto: Clemilso Campos/JC Imagem

Num Clássico das Emoções eletrizante nos Aflitos, Náutico e Santa Cruz ficaram no empate, em 2x2, pela sétima rodada do Pernambucano Coca-Cola. As duas equipes fizeram um belo papel no gramado. No entanto, o árbitro Emerson Sobral acabou sendo o destaque do jogo. De forma negativa. No primeiro gol do Santa Cruz, o árbitro não marcou falta em Souza, o que causou o contra-ataque do Santa Cruz. No final do jogo, mais confusão. Já nos acréscimos, quando o placar estava 2x1 para o Tricolor, Sobral marcou pênalti (inexistente) para o Timbu. Ao final do jogo, os atletas do Santa Cruz foram para cima do árbitro e aplaudiram de forma sarcástica.

Náutico e Santa Cruz fizeram um primeiro tempo digno do Clássico das Emoções. Duas equipes que entraram em campo buscando sempre o ataque. Os dois goleiros, Gideão e Tiago Cardoso, tiveram bastante trabalho. O Timbu, como era esperado, tomou a iniciativa do jogo. Nos primeiros dez minutos, o Timbu já havia obrigado o camisa 1 coral a fazer duas boas defesas. Enquanto o Santa Cruz jogou mais fechadinho, esperando a hora certa para contra-atacar. Foi dessa forma que o Tricolor abriu o placar num lance polêmico.



Aos 10 minutos, Souza arranca num rápido contra-ataque, toca para Cascata e recebe de volta. Quando vai invadir a área, o volante é tocado e cai. O árbitro Émerson Sobral, no entanto, assinala impedimento do meia Cascata. Os jogadores alvirrubros vão reclamar da arbitragem. O Santa Cruz, rapidamente, reinicia o jogo e Carlinhos Bala lança Flávio Recife, que invade a área e toca na saída de Gideão: 1x0. Valeu a esperteza de Carlinhos Bala, que pediu à zaga para cobrar rápido e pegar o Náutico desprevinido.

Após o gol, o Santa Cruz começou a sair mais. Natan, arisco, conseguiu amarelar dois jogadores alvirrubros, com boas jogadas pela meia-esquerda. Aos poucos, o Náutico foi se soltando e o Santa voltando a explorar os contra-ataques. O recuo tricolor chamou a equipe alvirrubra para cima. Até que o meia Cascata, aos 24 minutos, recebeu a bola dentro da área e arrematou no canto esquerdo de Tiago Cardoso, empatando a partida. Cascata ainda teve duas oportunidades claras para ampliar o placar. Na primeira, na entrada da pequena área, chutou para longe. Na segunda, tentou desviar do goleiro, acabou se enrolando e a bola foi fácil para as mãos de Tiago Cardoso.

Para a segunda etapa, o técncio Zé Teodoro modificou o Santa Cruz. Luciano Henrique entrou na vaga Anderson Pedra, deixando a equipe mais solta, permitindo mais velocidade nos contra-ataques. E foi justamente num deles que o Santa encontrou o segundo gol. Após receber em velocidade, Luciano Henrique ganhou a dividida do zagueiro alvirrubro e cruzou para dentro da área. O volante alvirrubro Elicarlos, tentando tirar, acabou mandando para o fundo das próprias redes. A partir do gol desempate, o Santa se fechou, com a entrada de Sandro Manoel no lugar de Natan. Mas continuou explorando os contra-ataques. Num deles, Carlinhos Bala avançou e chutou forte e Gideão fez grande defesa.

Quando a partida já estava nos acréscimos, mais um lance polêmico no jogo. Após cruzamento na área, Souza recebeu marcado de perto por Leandro Souza. O meia alvirrubro caiu e o árbitro Emerson Sobral assinalou pênalti. Souza cobrou com categoria, no canto esquerdo de Tiago Cardoso, empatou o jogo. Ao final da partida, os jogadores do Santa foram para cima do juiz e aplaudiram Emerson Sobral, de forma irônica. Ambas as torcidas se encontravam revoltadas. Do lado alvirrubro, com o rendimento do seu time. O volante Derely e o técnico Waldemar Lemos chegaram a ir até o alambrado para discutir com os torcedores. Pelo lado do Tricolor, como não poderia deixar de ser, as reclamações recaíram para o árbitro da partida.

Ficha do jogo

Náutico: Gideão, Lenon, Marlon, Diego Bispo e Jéferson; Souza, Elicarlos, Derley, Cascata (Berger) e Eduardo Ramos (Doriélton); Siloé. Técnico: Waldemar Lemos.

Santa Cruz: Tiago Cardoso, Eduardo Arroz, Leandro Souza, André Oliveira (Éverton Sena) e Dutra; Anderson Pedra (Luciano Henrique), Memo, Léo e Natan (Sandro Manoel); Flávio Recife e Carlinhos Bala. Técnico: Zé Teodoro.

Local: Estádio dos Aflitos
Árbitro: Émerson Sobral.
Assistentes: Ubirajara Ferraz e Clóvis Amaral.
Gols: Flávio Recife, aos 11 minutos, Cascata, aos 24 do primeiro tempo. Elicarlos (contra), aos 15, e Souza, aos 49 minutos do segundo tempo.
Cartões amarelos: Derley, Jéferson, Eduardo Ramos, Souza, Elicarlos, André Oliveira, Anderson Pedra, Flávio Recife, Dutra, Leandro Souza, Carlinhos Bala e Léo.




Sport tenta reabilitação diante do Serra TalhadaPOSTADO POR Marcelo ÀS 19:26 EM 04 DE Fevereiro DE 2012

Diante do Serra Talhada, Jheimy está de volta ao ataque titular do Sport/Foto: JC Imagem

O Sport não vem tendo vida fácil no sertão. Além de perder a invencibilidade no Pernambucano Coca-Cola 2012 para o Salgueiro, na última rodada, por 2x0, o time rubro-negro perdeu três titulares contudidos: Roberson, Willian Rocha e Marquinhos. Isso sem falar no reservar Rithelly, também contundido, e Rivaldo, suspenso. E é justamente dessa forma, mais vez modificado, que o Leão vai tentar se recuperar na competição diante do Serra Talhada, neste domingo, noe estádio Pereirão. O confronto, válido pela 7ª rodada do Estadual, tem início às 16h.

Ao menos, o técnico rubro-negro, Mazola Júnior, terá a sua disposição a dupla de zaga titular. Tóbi e Montoya cumpriram suspensão automática pelo terceiro cartão amarelo no duelo diante do Carcará estão de volta. No entanto, apenas um dos dois devem ser escalados como titular. Isso porque Bruno Aguiar fez uma boa estreia e deve ser mantido.

“A nossa equipe tem maturidade suficiente para superar as cobranças e os desafios. O jogo com o Serra Talhada é mais um desses desafios”, disse Tóbi, que tende a ser um dos escolhidos.

A dupla de ataque, no entanto, está definida e será formada por Jheimy e Willians. No meio de campo é certo o retorno do volante Diogo Oliveira. A vaga de Rivaldo deve ser ocupada por Milton Júnior. Assim, Thiaguinho sai do meio e volta para a lateral direita no lugar de Moacir.

SERRA TALHADA
O time sertanejo teve um início de competição arrasador. Aplicou duas goleadas por 4x0 sobre América e Ypiranga, mas, depois, engatou quatro derrotas consecutivas. A diretoria resolveu mudar o comando técnico. Saiu Reginaldo Sousa e entrou Bagé, que faz sua estreia neste domingo. "É um momento decisivo e eu espero que os jogadores estejam mais alegres. Os maus resultados colocaram o time para baixo. Precisamos resgatar a qualidade dos primeiros jogos”, comentou o novo comandante. Para o confronto com o Leão, os sertanejos entrarão em campo mais precavidos, com o volante Marcondes na vaga do meia Enercino. O único responsável pela criação será Kássio, que foi revelado na Ilha do Retiro.

Serra Talhada
Bruno; Rogério, Alex Costa, Raniere e Janeilton; Jaildo, Elton, Marcondes e Kássio; Caio e Júnior Mineiro. Técnico: Bagé.

Sport
Magrão; Thiaguinho, Bruno Aguiar (Montoya), Tobi e Renê; Hamilton, Diogo Oliveira, Rithely (Milton Júnior) e Marcelinho Paraíba; Willians e Jheimy. Técnico: Mazola Júnior.

Local: Estádio Nildo Pereira, Serra Talhada.
Horário: 16h.
Árbitro: Sebastião Rufino Filho
Assistentes: Alcides Lira e Paulo Steffanello




Waldemar Lemos critica arbitragem, mas elogia atuação do NáuticoPOSTADO POR Thiago Wagner da Silva ÀS 21:26 EM 04 DE Fevereiro DE 2012



Apesar do tom comedido já conhecido entre os jornalistas, o técnico do Náutico, Waldemar Lemos não poupou críticas para a arbitragem do clássico contra o Santa Cruz disputado neste sábado nos Aflitos que terminou empatado em 2x2. O comandante alvirrubro se queixou principalmente do excesso de cartões aplicados pelo árbitro Emérson Sobral contra o Nautico e do lance que originou o primeiro gol do Santa Cruz. "O árbitro marcou muitas faltas contra nós. Além disso, teve o lance do primeiro gol do Santa Cruz. Infelizmente essas coisas acontecem em um jogo bom como foi esse".



Waldemar também demonstrou bastante insatisfação com a torcida alvirrubra após o término da partida. O treinador, chegou até a discutir com alguns torcedores ainda no gramado. "Essas pessoas não amam o Náutico de verdade. Esses não são os verdadeiros torcedores do Náutico", disse.

Falando sobre a parte esportiva, o comandante do Timbu, avaliou bem a atuação da equipe diante do Santa Cruz. Segundo ele, o Náutico dominou os dois tempos e sempre buscou o ataque. "Jogamos bem nos dois tempos. Nós jogamos assim, para cima e sofrendo mais faltas. Vamos sempre atuar assim e não temos porque sair deste pensamento".

Apesar dos elogios, Waldemar pontuou que o time precisa melhorar na finalização e principalmente na parte defensiva para não sofrer com os contra-ataques. "Temos que aprimorar a finalização. Enquanto os jogadores tiveram perna, eles puderam chutar, mas temos que subir o nível. Também não podemos sofrer com os contra-ataques, até porque não se sabe a interpretação do árbitro. Se fizermos a falta podemos ter um jogador expulso e ter a partida prejudicada". declarou.

Sobre os desfalques que o Náutico terá contra o Salgueiro na próxima quarta-feira, Waldemar adiantou que o elenco é forte e que será capaz de suprir as ausências

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OUVINTE VIP

OUVINTE VIP
ESSA É MINHA ESPOSA EVALÚCIA , EM UM DOS RAROS MOMENTOS, ME ACOMPANHANDO NA MINHA CABINE NA ILHA DO RETIRO NO JOGO SPORT 4 X 0 BAUERI

NOVA LOGOMARCA DA FEDERAÇÃO PERNAMBUCANA DE FUTEBOL

NOVA LOGOMARCA DA FEDERAÇÃO PERNAMBUCANA DE FUTEBOL

ELIAS PEREIRA PUBLICIDADE

ELIAS PEREIRA PUBLICIDADE
ELIAS PEREIRA PUBLICIDADE E STÚDIO E ,PROPAGANDAS COM GRAVAÇÕES DE QUALIDADES, NAS CIDADES DE CAMUTANGA, FERREIROS, JURIPIRANGA, ITABAIANA E TIMBAÚBA, LIGUE 81-8758 -5294 E 81-9196-7698